10 de jun de 2013

A FORÇA DO AMOR...



Em todos os momentos do meu dia...
Em todas as sequências de noites...
Lentamente sinto cada vez mais você dentro do meu peito...
Como sonho deslizas seu caminhar com passos firmes..
A esperar-me na sua estrada bendita...
Minhas mãos na busca do seu toque...
Acariciam sua essência mais que abençoada por Deus...
E na mais louca realidade são seus beijos que quero...
Quero o som do seu sorrir...
Divinamente mesclado...
Quero o seu sabor de quero mais...
Muito mais...
Quero realizar nossos sonhos...
Sem medos...
Mas com pitadas discretas de mistérios...
Quero seu rosto sério...
Para que eu possa fazê-la sorrir...
Com meu jeito palhaço...
Quero dar-te um amasso...
E sentir que nesse envolver de corpos...
Não somos seres sós...
Mas intensamente misturadas na beleza de um amor...
Que nos pertence...
Como só almas livres podem amar...
Com você estou presa em liberdade...
Porque é no seu sorriso...
Que conheço a força do amor...
E esse arrebenta todas as barreiras...
Não existe mar...
Nem luar...
Nem estradas...
Nem ares...
Nem sons..
Nem passagem de horas...
Nem dúvidas...
E nenhum tipo de veneno que possa impedir...
Meu caminho no seu...
E seu toque tatuado no meu ser...

MARTA BITTENCOURT

Nenhum comentário:

THAY

THAY

ALGUÉM ESPECIAL

Minha foto
jequié, bahia, Brazil
:: tudo ou nada aqui :: Difícil entender o que sou e como sou, não estou aqui pra ser decifrada, gosto de ser um mistério, até mesmo pra mim. Não tentem entender meus textos, minhas poesias, não pensem muito, eu não pensei quando estava escrevendo. Escrevo pra desabafar sentimentos... tristezas que carrego sempre comigo, inerente à minha existência. O melhor de se ler poesias é poder criar seus próprios textos e entender sua própria história de vida, levem pra vocês, não prendam as palavras em mim nem em vocês. Não, não sou dramática, só levo meus sentimentos, minhas lutas às últimas consequências. Por quê?? porque a vida não tem edição de cenas!